Tratado de Schengen

Tratado de Schengen

O Acordo de Schengen é uma convenção entre países europeus sobre uma política de abertura das fronteiras e livre circulação de pessoas entre os países signatários.

Se você está planejando um intercâmbio/viagem e se deparou com o termo Tratado de Schengen, não se assuste. Neste artigo, iremos te explicar o que é o Tratado de Schengen e para o que ele serve. 

O que é o Tratado de Schengen?

O Tratado de Schengen é um acordo entre países europeus sobre uma política de abertura de fronteiras e livre circulação de pessoas entre os países participantes.

Quase 30 países, incluindo todos os integrantes da União Europeia (exceto Irlanda e Reino Unido) e 4 países que não são membros da UE (Islândia, Noruega, Liechtenstein e Suíça), assinaram o acordo de Schengen.

O Espaço Schengen permite a livre circulação de pessoas dentro dos países participantes do acordo, sem a necessidade de apresentação de passaporte nas fronteiras. Independente de não haver controle nas fronteiras, os cidadãos residentes nos países signatários devem, por norma, portar um documento legal de identificação, como a carteira de identidade.

História do Acordo de Schengen

A princípio, foi nomeado em referência a um local na fronteira entre Alemanha, França e Luxemburgo. Começou envolvendo esses três países em junção com a Bélgica e os Países Baixos, que já tinham um acordo de livre circulação envolvendo Luxemburgo.

Assinado em um barco, o Princesse Marie-Astrid, o acordo foi firmado em 1985 e periodicamente foi incluindo mais países, começando pela Itália. Gradativamente, os países foram implementando o controle de fronteiras e a emissão do visto que permite a livre circulação dentro da área Schengen.

Regras do Tratado de Schengen

Para fins turísticos, alguns países, como o Brasil, estão isentos de vistos para circular pelas fronteiras dentro do espaço Schengen.

Normalmente, por até noventa dias a passagem é livre, contanto que os requisitos sejam cumpridos. Um deles é possuir um seguro viagem de, no mínimo, trinta mil euros.

Este seguro precisa ser válido para todos os países integrantes do acordo. Além disso, o passaporte precisa ter pelo menos três meses de validade.

Tenha todos os documentos necessários em mãos no momento da chegada nas fronteiras externas e qualquer país integrante poderá fornecer um visto que permita circulação livre!

Quais os países que fazem parte do Tratado de Schengen?

  • Alemanha
  • Áustria
  • Bélgica
  • Dinamarca
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Estônia
  • Finlândia
  • França
  • Grécia
  • Hungria
  • Islândia
  • Itália
  • Letônia
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Malta
  • Noruega
  • Países Baixos
  • Polônia
  • Portugal
  • República Tcheca
  • Suécia
  • Suíça

Agora que você já sabe o que é o Tratado de Schengen, só falta escolher um destino e fechar seu intercâmbio com a Trinity Intercâmbio. 😉

Para receber um orçamento de intercâmbio, não hesite em nos contatar através de e-mail: info@trinityintercambio.com.br ou WhatsApp: +55 11 94712-1141.

Você gostaria de fazer um orçamento conosco? Basta preencher esse formulário.

× Clique aqui