Minha história de intercâmbio com a Trinity: Kesia Rodrigues – Cork, Irlanda

Minha história de intercâmbio com a Trinity: Kesia Rodrigues – Cork, Irlanda

A Késia faz parte do time #aventureirostrinity e na série Minha história de intercâmbio com a Trinity de hoje ela conta como está sendo sua aventura em Cork, na Irlanda, onde já mora há 4 anos.

intercambio em Cork, Irlanda
Cliffs of Moher, Irlanda

Por que você escolheu Cork, na Irlanda?

Eu escolhi a Irlanda, por ser um pais lindo, tranquilo, seguro e por ser localizado na Europa, o que me facilitaria conhecer os outros países europeus ao seu redor. Entre outros benefícios como facilidade para obter o visto e a permissão para trabalhar enquanto estudante.

O que achou da cidade?

Eu escolhi a cidade de Cork. Amo viver aqui e em maio (2021) completei exatamente quatro anos que vivo aqui e simplesmente amo! Cork é considerada uma das maiores e mais animadas cidades da Irlanda. A cidade é pequena e os pontos principais como escolas, bares, restaurantes estão localizados bem próximos uns dos outros o que nos permite fazer muitas coisas a pé ou de bicicleta. Isso foi um dos motivos que me fez amar ainda mais, pois venho de São Paulo, cidade grande, onde era preciso pegar ônibus e trem lotados todos os dias para me locomover de casa ao trabalho e escola.

O que achou da escola?

Eu estudei em duas escolas de inglês e, sem dúvida, a que eu recomendo é a CEC (Cork English College). Para mim é uma das melhores escolas de inglês da cidade. Aulas muito dinâmicas com dois professores por dia. No primeiro turno focado em gramática e no segundo, mais voltado à conversação e vocabulário. Após renovar o stamp 2 estudando inglês em um total de dois anos eu estudei Pós Graduação em Contabilidade na UCC (University College Cork) a qual eu super recomendo e após conclusão do curso temos direito a visto 1G por dois anos. A Trinity que me ajudou desde o curso de ingles até o ingresso à pós graduação e, inclusive, a Trinity conseguiu uma bolsa de estudos parcial na UCC pra mim, a qual sou muito grata!

Qual foi sua acomodação e o que achou dela? 

Eu fiquei em casa de familia por duas semanas. Minha experiência lá foi ótima! Eles me tratavam realmente como um membro da familia. Recebi todas as instruções que pais dão aos filhos ao sair de casa, tive um quarto somente para mim, minha hostmother fazia todos dias lanches para levar para escola, me levou para conhecer alguns pontos da cidades… Claro que cada familia é de um jeito e não existe um padrão, mas os irlandeses, em geral, são muito atenciosos e se você se hospedar em casa de família, tenho certeza que terá uma boa experiencia.

Como foi procurar emprego? Onde você trabalhou e qual função exerceu? 

O começo da procura de trabalho foi difícil, pois não conhecia ninguém e não estava segura com o inglês, mas em questão de semanas o cenário mudou. Conheci muitas pessoas na escola que sempre conheciam algum lugar/pessoa que estavam contratando e foram me indicando. Então comecei limpando casas de famílias, restaurantes e mercados, babá de três meninas e, atualmente, após 4 quatro anos, estou trabalhando na minha área de formação como Analista em um Banco de Investimentos.

Como é a vida noturna em Cork?

A vida noturna em Cork é muito animada e segura. Tem vários bares de muitos estilos como pop, rock, latinos, irlandês tradicional, etc. Não ficam abertos a noite toda como no Brasil, mas dá para aproveitar muito! Eles estão muito próximos uns dos outros então dá para curtir mais de um na mesma noite e, o melhor, não paga para entrar!

Para onde você fez passeios?

Por mais que a Irlanda seja uma ilha pequena, tem muito o que explorar. Eu visitei muitos lugares, mas a minha lista continua enorme. Visitei Cliffs of Moher que é um dos cartões postais do pais. A vista é linda! Muitos castelos. Novohal que tem uns cliffs maravilhosos! Kinsale e Cobh são pequenas cidades muito fofas. Visitei Dublin várias vezes, a capital da Irlanda que amo, muito lugares para visitar lá e tem a vida noturna bem animada! Mizen Head e Baltimore que são lindos! 

Demorou para se adaptar?

Não demorei para me adaptar, mas claro que cada um tem o seu tempo, tem pessoas que demoram dias, outras semanas e outras até mesmo meses. No começo, como qualquer outra mudança, tem seus desafios mais depois vem o regozijo e ai é só vigorar! 

O que achou do custo de vida do país?

A Irlanda, comparada as outros países da Europa, tem um custo de vida alto. Porém, o salário também é considerados uns dos mais altos, então o segredo é procurar um aluguel bem barato e trabalhar muito que dá para juntar uma graninha boa no final do intercâmbio.

Você viajou para outros países enquanto fazia intercâmbio? 

Sim!!! 🙂 Inglaterra, França, Malta, Dinamarca, Espanha, Alemanha, Escócia, Italia, Israel e Grécia.

Popeye Village, Malta
Duomo di Milano, Milão (Itália)
Amsterdã, Holanda

O que achou do suporte da Trinity?

A Trinity foi simplesmente maravilhosa comigo, desde do primeiro dia até hoje, 4 anos depois. Todo suporte que precisei, dúvidas, medos, ajuda, tudo, sempre tive o apoio da equipe Trinity e durante esse tempo vivendo na Irlanda, sempre quando me pedem recomendações, sem dúvida nenhuma eu passo o contato da Trinity. O mais interessante é que a equipe Trinity teve experiência de morar fora do Brasil, foram também intercambistas, viajaram por muitos países, então eles podem falar com propriedade sobre suas experiências e nos dar suporte com muito mais segurança.

Você recomendaria o intercâmbio para Cork, na Irlanda?

Sem dúvida alguma, eu recomendo!


Ficou interessado em ter a mesma experiência que a Kesia? Entre em contato com a Trinity! Um de nossos especialistas que morou na Irlanda irá lhe explicar tudo!

Para receber um orçamento de intercâmbio, não hesite em nos contatar através do e-mail: info@trinityintercambio.com.br ou WhatsApp: +55 11 94712-1141.

Se preferir, basta preencher esse formulário.