Como funciona o intercâmbio nos Estados Unidos

Como funciona o intercâmbio nos Estados Unidos

Estados Unidos ou Estados Unidos da América (EUA), como é chamado oficialmente, é um país localizado no continente americano (sub continente América do Norte). O país é considerado o mais influente do mundo e exerce forte domínio político, econômico, militar e cultural. Os Estados Unidos são considerados uma nação multicultural. A grande extensão territorial confere ao país uma elevada biodiversidade e o encontro de diversas etnias, contribuindo para uma cultura riquíssima, repleta de particularidades em cada região do país.

Já pensou em fazer um intercâmbio dos sonhos nos Estados Unidos? Neste artigo iremos te contar como é o processo de intercâmbio para os EUA. 

Como funciona o visto de estudante para os Estados Unidos

Um estudante que pretenda frequentar uma universidade ou outra instituição acadêmica nos Estados Unidos deve requerer um visto de estudante (F-1). Se você optar por um curso de inglês de até 12 semanas com até 18 horas semanais será necessário um visto B-1 ou B-2 (visto de turista). Mas se você optar por um curso com mais de 12 semanas ou um curso menor que 12 semanas, porém com mais de 18 horas semanais será necessário o visto de estudante F-1. 

O visto de turista é uma ótima opção para estudantes que desejam fazer um curso de inglês, pois este visto pode ser utilizado para curtos períodos de estudo recreativo que façam parte de uma visita turística e que não ofereçam crédito acadêmico ou profissional.

Resumindo, se você optar por cursos de inglês de pequena duração e horário parcial (carga horária de até 18 horas de aula por semana) o visto a ser tirado é o de turista que, além de mais barato, é um pouco menos burocrático que o de estudante.

Como trabalhar nos Estados Unidos

Trabalhar nos Estados Unidos antes de completar os estudos vai depender do seu visto de estudante. Como estrangeiro, você pode ter três tipos de visto de estudante: um F-1 visa, um M-1 visa ou um J-1 visa. Em certas ocasiões, estudantes F-1 e J-1 são permitidos a exercer funções dentro do campus universitário por no máximo 20 horas por semana durante o período de aulas, e até 40 horas semanais durante as férias. Já estudantes M-1 NÃO podem trabalhar dentro nem fora do campus por toda a duração dos estudos no país.

Por que fazer intercâmbio para os Estados Unidos?

1- Crescer profissionalmente

Quantas oportunidades você já perdeu por não ter o nível de inglês exigido pela vaga ou pelo cargo?

Para áreas como Marketing, Direito, Financeiro e Bancária, em média, 70% dos recrutadores demandam candidatos com certo nível de bilinguismo. Isso acontece porque do ponto de vista cultural, o que se leva em consideração é que, se você fala inglês ou outra língua, é porque estudou mais e, nesse caso, tem mais conhecimento.

Os EUA é o centro da língua inglesa e da economia mundial. Aprender a negociar com quem faz isso em escala global é a melhor maneira de se destacar.

2- Turbilhão de cultura

Os Estados Unidos são uma das grandes potências mundiais e isso faz com que pessoas de todos os países queiram visitar, trabalhar ou estudar por lá. O resultado é que você vai conhecer pessoas de todos os cantos do mundo e de diversas etnias. Sem contar que a quantidade de museus, parques e cinemas é enorme nos principais centros urbanos. A vida cultural é um grande diferencial. Por isso, fazer intercâmbio nos Estados Unidos é se permitir a uma experiência incrível para seu crescimento pessoal e profissional.

3- Grande disponibilidade de cursos

O país tem um dos maiores leques de cursos de inglês e programas de intercâmbio do mundo! Existem opções para todos os gostos, em diversos níveis e duração. Independente de qual seja o seu objetivo, lá você encontra o programa de intercâmbio ideal para você.

4- Ótimos destinos para viajar nos feriados

Sabemos que o intercâmbio de inglês também é uma ótima oportunidade para conhecer o país que você está visitando nos feriados e finais de semana. Por esse motivo, os Estados Unidos pode ser uma ótima opção de destino.

É muito fácil achar voos internos baratos em companhias aéreas americanas, permitindo que você conheça vários lugares diferentes no seu tempo livre, ou até mesmo alugar um carro para conhecer cidades vizinhas, tornando a viagem mais prazerosa e econômica.

5- Escolas de excelente qualidade

O país é referência mundial em educação, seja para ensino básico, quanto para ensino superior. As melhores faculdades do mundo estão espalhadas por várias cidades do país e a grande maioria delas oferece algum bom curso de inglês para estrangeiros. Dessa maneira, além de aprender inglês em uma das melhores escolas do mundo, você ainda pode viver a experiência de estudar nos deliciosos campus universitários americanos.


Gostou? Existem tantos motivos para fazer um intercâmbio para os Estados Unidos que passaríamos horas aqui. Então, não perca tempo e entre em contato para começarmos o planejamento do seu sonhado intercâmbio. 🙂

Para receber um orçamento de intercâmbio para os Estados Unidos, não hesite em nos contatar através de e-mail: info@trinityintercambio.com.br ou WhatsApp: +55 11 94712-1141.

Você gostaria de fazer um orçamento conosco? Basta preencher esse formulário.

× Clique aqui